Thursday, February 16, 2006

Impressoes- Chuva





...o dia consensa-se no meu peito... Escorrem, por entre a minha mortalidade reles, gotas de nada... será? para outros seres a chuva é o tudo, porque traz no ventre a seiva de uma Primavera anunciada... (a mim, por vezes, tolhe-me a vontade... porque sou um ser adverso...arrizo!)

22 Comments:

Blogger spartakus said...

Dois. Bom dia Rosário sem bjinho porke já estou de cama. Abraciko. Merda para as constipações...

10:07 AM  
Blogger spartakus said...

Brigada Kamarada. Tou a fazer tudo certinho. Agora deve ter sido por mudar de casa...e é esta maldita cidade. Abracikos e bjinhos virtuais.

10:34 AM  
Anonymous Ana Amorim said...

"miguinha" esqeceste-te de mim?
jinhos

10:52 AM  
Blogger Rosario Andrade said...

Aninha,
...?!...De ti? Jamais!!!! Bem sabes! ...Do que é que me esqueci desta vez?...

11:06 AM  
Blogger Funes, o memorioso said...

Estas fotos lembram-me um anúncio muito antigo que passava na RTP, sobre o cancro da mama. São deprimentes.
Ou, se calhar, eu é que ando deprimido. Vou tomar anti-freeze, para ver se me passa. Pelo menos, a antídoto há-de ajudar.

12:34 PM  
Blogger Rosario Andrade said...

Ola Funes!
...deprimente, é! Chuva mais uma prevencao que tem sido atarefada...
Vais ver que vai correr tudo bem! Quanto ao anti-freeze, vai ficando pelo antidoto...digo eu, ba!

Bjicos

1:16 PM  
Blogger pirata vermelho said...

anton, tie rosarico? num fiquedes mal spuosta!
son nuobe meses de eimbierno i trés de einfierno mas por chuber nun fai mal

1:22 PM  
Anonymous Ana Amorim said...

Não recebeste os meus e-mails da Contajovi, sobre a tese que ando a fazer? Não chegaram até ti?
Vou voltar a enviar!!!
jinhos

1:29 PM  
Blogger Rosario Andrade said...

Tiu Piratta Burmeilho,
Stou mui enrabiada, que me faziran benir al hospital todos ls dies por la nuite! Hoy ye l die derradeiro da le prevençon!!!!!!

Anita!
Nao me lembro... volta a enviar!
Bjico

1:41 PM  
Blogger feniana said...

gosto da chuva, assim, na vidraça.

3:40 PM  
Blogger Rosario Andrade said...

Ola Feniana!
...por vezes é agradável... mas de vez em quando da-me uma nostalgia tola e nao consigo fazer nada (o que é pouco habitual para mim)

Abracicos!

3:47 PM  
Blogger TR said...

A chuva provoca-me diferentes sensações.Habitualmente deprime-me; detesto andar de guarda chuva; detesto a sensação de noite durante o dia. Mas, quando não chove durante muito tempo, chego a ter saudades, sinto falta do ar mais límpido e mais fresco. Os minutos após a chuva sabem-me bem. Para além disto, há uma serie de sensações boas de infância relacionadas com dias de chuva, dias horríveis de chuva intensa, como já não há, em casa da minha avó, eu e os meus primos encostávamos o ouvido ao vidro da janela quando a chuva batia fortemente nela e ficávamos ali a imaginar fantasmas a aproximarem-se, o meu primo adorava reproduzir os sons e eu e a Isabel ficávamos em pânico, mas adorávamos aquilo... Finalmente há o cheiro. À volta de casa dos meus avós havia (já não há) campo agrícola e monte. Quando chovia muito o ar ficava com um cheiro instenso a pinheiro e terra talvez, não sei bem, um cheiro que nunca mais creio ter sentido e que só era possível quando chovia.
... :-)

4:41 PM  
Blogger Rosario Andrade said...

Ola TR,
...tenho a mesma opiniao em relacao a chuva... mas no Domingo passado atacou-me as veias e os nervos nao sei com que modorra... nao consegui fazer nada!

Bjico!

4:47 PM  
Blogger O Micróbio said...

A chuva deixa sempre belas impressões!

5:07 PM  
Blogger Folha de Chá said...

Rosário, estamos em sintonia. Mesmo. :) Também eu não gosto lá muito da chuva. Acaba com os meus limites espaciais. E entristece-me. Às vezes, nem dentro de casa gosto de a ouvir. Enfim...

5:27 PM  
Blogger pirata vermelho said...

tie rosarico
ie la çtenia de la primabiera

aporbeita para çcançar

6:04 PM  
Blogger rps said...

Eu gosto de chuva... se não for em demasia. E dos cheiro que ela faz emergir, como o de terra molhada.

10:21 PM  
Blogger Pato Marreco said...

Desta vez não acredito no que a Rosarito está escrevendo.
Tomo o "tolhimento" como uma liberdade poética.
A Rosario que conhecemos é sempre criativa, faça sol ou faça chuva!

11:46 PM  
Blogger spartakus said...

Bom dia Rosário. Abracikos e pouca chuva.

10:10 AM  
Blogger cm said...

" dia consensa-se no meu peito"??
condensa-se!!!...mas a alma essa paira livre com gotas plenas de vida e de encanto...abs

10:17 AM  
Blogger Rosario Andrade said...

... ups, era suposto ser "condensa-se"

Bjicos!

11:25 AM  
Blogger Cadelinha Lésse said...

Tu és linda e pronto!

2:45 PM  

Impressoes

<< Home