Wednesday, January 10, 2007

Dia do Pai

(Cezanne)


Desde que o Pai Anibal nos deixou, o dia do Pai é para mim o dia de hoje, o dia do seu aniversario. Parece que ainda o ouço a cantar, enquanto a lareira me refugiava nas torres altas e fortes das suas pernas:


Préra-pramprampréra,
pramprampréra,
pramprampréra
Bai Pedro bai,
ao lugar a bem depressa,
Di-le a meu amo
como ch'yo digo a ti:
Siete con ocho
me roban a mi.
Bai Pedro, bai
ao lugar e ben depressa
para ber se nos ho'hamos
pr'amanha fazer la festa.

Préra-pramprampréra,
pramprampréra,
pramprampréra

Quando eu começava a adormecer embalada pela voz doce e pela melodia,
começava ele a inventar, por entre um sorriso deliciado:


Préra-pramprampréra,
pramprampréra,
pramprampréra
E o Zé é d'Abinhó
e o Antonho é d'Amatéla!
...


ou entao a outra musica, a do foguetao...


Na praia da Boa Noba
ao subir o foguetão,
a tua saia de roda,
deu-le o bento e fez balao!
-Fica-te bem, a saia assim!
-E tu tambem, ao pé de mim!
Se nos casarmos, verás entao,
a lua iremos, no foquetao!


Lembro-me como se fosse ontem...

12 Comments:

Blogger rps said...

Curioso: ao ver este post, lembrei-me daquele que escreveste há exactamente um ano.
1bj, Rosário.

10:28 PM  
Blogger Opintas / Bernardo said...

Gostei. Bom dia e um abraço.

9:24 AM  
Blogger Platero said...

Olá Rosário

Venho-te agradecer as visitas nestes tempos que foram muito dificeis para mim, os comentários dos amigos deram força para enfrentar tudo.

Um abraço

12:36 PM  
Blogger Funes, o memorioso said...

De que vale a eternidade, se não guardarmos do passado a memória?

1:09 PM  
Blogger Santa said...

Guardados para sempre , em um lugar muito especial dentro de nós são lembranças, porém vivas...

Bjs

1:20 PM  
Blogger Miguel said...

Parabéns ao pai Anibal pela sua imaginação fertil ...!

Bjks da Matilde e Cª!

2:42 PM  
Blogger avelana said...

que belas recordações, rosário!

quando os nossos pais nos pegavam ao colo ou se sentavam ao nosso lado colando os cromos da branca de neve ou fazendo castelos na praia que lá dentro punhan a arder com pauzinhos a sério e tudo...

Lembro-me como se fosse hoje.

Escrevi o meu texto do Livro "Oque é o amor" em homenagem ao mais velho homem de Avelãs, pai, avô e bisavô que nos deixou com 96 anos ...

Um abraço para ti. Bjikus

5:21 PM  
Blogger marta said...

Nada como boas memórias.
Beijinhos pelas saudades.

5:44 PM  
Blogger kurika said...

Um pedaço dele dentro de ti.

Um xi coração

6:41 PM  
Blogger jj said...

Então, Feliz Dia do Pai!

Jinhos.

5:18 PM  
Blogger Kalinka said...

OLÁ ROSÁRIO

Iniciou-se a contagem decrescente para o lançamento do livro:
«Que é o Amor?».

Colaborei com um texto da minha autoria , dedicado a todos que passaram na minha Vida e, que de alguma forma, deixaram momentos inesquecíveis; mas, principalmente a alguém muito especial que nasceu dia 7 de Fevereiro e que, por não pertencer ao Mundo dos vivos, guardo com muito Amor, na minha memória (minha Mãe).

Beijos e abraços.

BOM FIM DE SEMANA.

Nota: nem podes imaginar a Felicidade que sinto ao participar nesta obra, de forma tão insignificante ou, talvez não!!!

1:00 AM  
Blogger osangue said...

Bom fim de semana Rosário. Beijiku e abraciku.

10:51 AM  

Impressoes

<< Home