Tuesday, November 01, 2005

Politica

Ao querido blogamigo Funes, el Memorioso que me quer enviar para a politica:


Non, merci ! non, merci ! non, merci ! Mais... chanter,
Rêver, rire, passer, être seul, être libre,
Avoir l'oeil qui regarde bien, la voix qui vibre,
Mettre, quand il vous plaît, son feutre de travers,
Pour un oui, pour un non, se battre, -ou faire un vers !
Travailler sans souci de gloire ou de fortune,
A tel voyage, auquel on pense, dans la lune !
N'écrire jamais rien qui de soi ne sortît,
Et modeste d'ailleurs, se dire : mon petit,
Sois satisfait des fleurs, des fruits, même des feuilles,
Si c'est dans ton jardin à toi que tu les cueilles !
Puis, s'il advient d'un peu triompher, par hasard,
Ne pas être obligé d'en rien rendre à César,
Vis-à-vis de soi-même en garder le mérite,
Bref, dédaignant d'être le lierre parasite,
Lors même qu'on n'est pas le chêne ou le tilleul,
Ne pas monter bien haut, peut-être, mais tout seul !

Cyrano de Bergerac, Edmond Rostand

7 Comments:

Blogger Funes, o memorioso said...

Desculpe que lhe diga, mas a minha amiga labora num erro muito grave: o de julgar que pessoas com o seu talento têm o direito de escolher ser livres.
Não, não e não.
Quem foi dotado com o talento da Rosário A. está obrigado a colocá-lo ao serviço dos seus semelhantes.
Nem que seja na política.
E nem que tenha, para isso, que renunciar à sua própria liberdade.

4:50 PM  
Blogger Rosario Andrade said...

Funes, lisonjeias-me!
Com ou sem talento acho que todos devemos ajudar o nosso semelhante naquilo que podemos.
Mas para mim, tudo menos politica! Acredita, Funes, nao tenho o minimo de talento nessa area, ou na de Economia, ou Direito e em outras que tais. Alguem como eu nesse meio ia ser do mais ridiculo e risivel que possas imaginar. Sou corajosa, mas nao conheco os meandros desse monstro... e como ja te disse, acho que para uma pessoa se envolver nesses meios é preciso que seja ambiciosa... e ambicao é uma coisa na qual os meus genes nao sao ricos...

Abracicos!

5:14 PM  
Blogger ART&TAL said...

a politica é um perigoso jogo de poder.
ninguem quer servir ninguem.
se fosse por questoes publicas sociais e humanitarias ia-mos todos para os lugares certos. nao estou a ver nenhum dos nossos governantes em tempo de grave crise a servir de maqueiro na cruz vermelha. conheci um jovem medico que depois de sair do hospital ia para um albergue noturno prestar serviço gratuito a SEPARAR ROUPA USADA para dar aos pobres...
bom...

7:10 PM  
Blogger Funes, o memorioso said...

Pronto, está bem. Eu liberto-a da política. Mas não da área de intervenção bloguística.
E para a compensar, ofereço-lhe esta foto que roubei ao nosso colega art&tal (por motivos técnicos, tem que ir buscá-la a http://photos1.blogger.com/blogger/8070/1357/1600/sapatosd.jpg), cujo pessimismo em relação aos políticos não partilho. Alguns haverá que estão na coisa pública por verdadeiro espírito de missão e de serviço. Não serão muitos, é certo. Mas também não são muitos os médicos que vão para um albergue separar roupa de graça.

8:24 PM  
Blogger angel said...

Hola Rosario, unas líneas en español (soy mexicano) para decirte que he disfrutado de mi visita a tu blog...Saludos

8:43 PM  
Blogger Rosario Andrade said...

Hola Angel,
Bienvenido! Me encanta recebir-te...Vuelve siempre, te espero más veces!

Saludos y...abracicos!

Funes, vou ja la ver essa cena!

9:06 PM  
Blogger adesenhar said...

:)
nuclear!
não obrigado :)
:)

bjhs com sabor a liberdade

12:01 AM  

Impressoes

<< Home