Saturday, September 10, 2005

Poema



Cuidado. O Amor
é um pequeno animal
desprevenido, uma teia
que se desfia
pouco a pouco. Guardo
silêncio
para que possam ouvi-lo
desfazer-se.

Casimiro de Brito






Foto de Lesley Mattuchio

2 Comments:

Blogger JG said...

Um poeta da minha terra que nunca tinha visto mencionado num blog. Só tu, Rosário. Já foi um dia bonito para mim. Obrigado.

9:34 PM  
Blogger Rosario Andrade said...

:-)
Uma alegria retribuir (ainda que sem o saber!) o prazer diário protagonizado pelos Seculo Prodigioso e Blogue da Sabedoria!
Abracicos!

10:10 PM  

Impressoes

<< Home